Blog

Pilares do marketing digital para as empresas

Pilares do marketing digital para as empresas

A era da internet chegou para ficar, e cada vez mais as empresas se preocupam em estar presentes neste meio que tem o poder de trazer inúmeros benefícios para as marcas, seja através das redes sociais, campanhas de e-mail marketing, otimização de sites para mecanismos de busca, entre outros.

Contudo, mais do que estar presente no meio digital e investir em ações on-line, as empresas precisam entender e aplicar o processo que está por trás da invasão da web para obterem resultados realmente relevantes, os pilares do marketing digital. São eles: planejamento, conteúdo, relacionamento e monitoramento.

1. Planejamento

O planejamento é o ponto principal para todos os outros processos. Um bom planejamento prepara a empresa para o futuro. Sem planejar dificilmente se consegue alcançar os objetivos. É ele que irá fornecer a base para toda e qualquer ação de marketing, seja ela digital ou não. Para toda ação deve-se ter um planejamento.

Atualmente, um dos grandes desafios para os profissionais de planejamento é conseguir integrar estratégias on-line com off-line, o que é extremamente importante, pois a comunicação da marca deve ser “redonda”, de forma que haja percepção da marca como um todo por parte do público.

2. Conteúdo

O conteúdo é o que irá atrair as pessoas, por isso deve ser relevante. Conteúdo relevante é aquele que é importante para o seu público-alvo, que tem a capacidade de atrair a atenção das pessoas entre os diversos concorrentes. Para isso, conhecer o público-alvo é de extrema importância. Saber o que gostam, traçar um perfil dessas pessoas e oferecer assuntos de relevância é o que irá gerar engajamento entre a marca e o público.

3. Relacionamento

Muitas empresas, preocupadas com o lucro final e os negócios que podem alcançar na internet não atentam para o consumidor e potenciais consumidores. O consumidor está cada vez mais exigente, e tem muitas formas hoje em dia de expressar sua opinião e chegar até às marcas, exemplo disso são as redes sociais.

Dar atenção ao público e demonstrar interesse no seu bem-estar, na medida do possível, é crucial. Os clientes gostam de ser “ouvidos” e atendidos, com respostas rápidas e eficazes. As marcas precisam se preocupar em construir relacionamentos com o seu público.

4. Monitoramento

O monitoramento entra como papel fundamental não só para identificar os cenários de crise, mas sim a demanda de oportunidades de divulgação da marca na internet. Com um monitoramento eficaz e comunicação pertinente ao universo da empresa pode-se alcançar conversões em vendas e novos clientes. É através do monitoramento que também é possível mensurar o retorno das ações, através da utilização de métricas confiáveis.